4 filmes dirigidos por mulheres para você assistir

Em Cotidiano por Nex CoworkingFaça um Comentário

Já indicamos aqui no blog livros escritos por mulheres negras para você ler neste ano. Também selecionamos filmes que retratam grandes empreendedoras para te inspirar. A razão para prepararmos esses conteúdos é a nossa crença de que ressaltar a contribuição das mulheres para diversas áreas é uma forma de amenizar o apagamento e o silenciamento que elas sofreram historicamente. Além de ser um incentivo para que mais mulheres consigam lucrar e se manter nessas indústrias, especialmente as mais dominadas por homens.

O Brasil não se vê representado em sua produção cinematográfica. Enquanto somos conhecidos como filhos da miscigenação, o cinema é basicamente branco e masculino. Para se ter uma ideia, dos 142 longas lançados em 2016, 75,4% foram dirigidos por homens brancos. Quando falamos em mulheres negras, a situação piora – nenhum desses filmes teve uma como roteirista. Os dados são de uma pesquisa da Agência Nacional de Cinema (Ancine).

O grande problema de não termos diversidade em determinadas áreas é que consumimos uma história única, como afirma Chimamanda Adichie. Vemos tudo sob a ótica de um único olhar – o masculino. Se queremos ver diferença no mundo, precisamos ouvir mais vozes, apreciar mais olhares – de mulheres, de negros, de asiáticos, de outros seres que ainda não nos são comumente mostrados.

“Como é contada, quem as conta, quando e quantas histórias são contadas, tudo realmente depende do poder. Poder é a habilidade de não só contar a história de outra pessoa, mas de fazê-la a história definitiva daquela pessoa”, fala a escritora nigeriana em uma palestra. Mas nós temos o poder de mudar essa situação. Topa o desafio?

A indústria do cinema faz parte da categoria informal mens only. Segundo informações do Filmow, apenas 7% dos filmes mais rentáveis nos EUA em 2014 foram dirigidos por uma mulher. Por isso, em outra versão do #leiamulheres (talvez #assistamulheres?), selecionamos 4 filmes incríveis dirigidos por mulheres para você assistir, confira:

Bird Box

Foto: divulgação.

Um dos maiores sucessos da Netflix no ano passado é dirigido por uma mulher. A cineasta dinamarquesa Susanne Bier ganhou fama por suas obras Brødre, Efter brylluppet e Hævnen, vencedor do Oscar. O primeiro filme dirigida por ela para o cinema norte-americano foi o Things We Lost in the Fire. Serena, a segunda produção para o país, foi estrelada por Jennifer Lawrence e Bradley Cooper.

Lady Bird

Foto: divulgação.

A americana com ascendência alemã Greta Celeste Gerwig é mais conhecida por seu trabalho como atriz, mas também é roteirista e diretora. Greta já atuou em filmes como Para Roma com Amor, de Woody Allen, e Frances Ha, de Noah Baumbach. Lady Bird, filme de 2017, foi escrito e dirigido por ela. O longa ganhou dois Globos de Ouro, nas categorias Melhor Filme – Comédia ou Musical e Melhor Atriz – Comédia ou Musical pelo trabalho da atriz Saoirse Ronan, além de ter sido indicado ao Oscar. O novo queridinho de Hollywood Timothée Chalamet também fez uma ponta na produção.

Flor do Deserto

Foto: divulgação.

A americana Sherry Hormann dirigiu o longa que estreou em 2010 no Brasil. Além disso, também trabalhou no Guys and Balls. O longa Flor do Deserto conta a história real da ativista e modelo Waris Dirie. O enredo se passa em torno da fuga da modelo da Somália para trabalhar em Londres até a conquista de uma carreira de sucesso. Mas, acima de tudo, o que dá o tom ao filme é a violência sofrida por ela e outras mulheres em seu país de origem: a mutilação genital.

Pequena Miss Sunshine

Foto: divulgação.

A americana Valerie Faris dirigiu o filme em parceria com seu marido Jonathan Dayton. Lançado em 2006, o longa conta a história da pequena Olive, que sonha em participar do concurso que nomeia o filme. Ela embarca, então, em uma jornada com sua família para chegar a tempo de apresentar a peça criada por seu avô. A obra venceu o Oscar na categoria Melhor Roteiro Original. A dupla também dirigiu o filme Ruby Sparks – A Namorada Perfeita.

// BÔNUS

No cinema japonês a participação das mulheres é, talvez, ainda mais limitado do que nos EUA. No entanto, uma diretora premiada está mudando esse cenário. Cadastre seu e-mail para saber mais sobre ela e seus filmes.


Sobre o Autor
Nex Coworking

Nex Coworking

Nós acreditamos que o dia de trabalho das pessoas pode ser mais feliz. Por isso criamos o Nex e aliamos soluções práticas e flexíveis de gestão de escritórios a uma estratégia de estímulo às conexões em uma poderosa comunidade empreendedora. Como um coworking, o que nos motiva todos os dias é criar um ambiente inspirador, onde as pessoas possam desenvolver suas oportunidades de negócio ao mesmo tempo que encontram seu propósito. Somos parte de uma grande mudança e queremos mais. Mudar a relação das pessoas com o trabalho é só o começo de tudo o que queremos para o mundo.

Deixe seu comentário

Sobre o Nex

Mais do que um espaço de trabalho, somos um ecossistema de empreendedorismo e inovação, onde conhecimento, trabalho e entretenimento acontecem juntos.

Sbore o Nex

Error: Access Token is not valid or has expired. Feed will not update.
This error message is only visible to WordPress admins

There's an issue with the Instagram Access Token that you are using. Please obtain a new Access Token on the plugin's Settings page.
If you continue to have an issue with your Access Token then please see this FAQ for more information.

Instagram

Inscreva-se

Receba nossos conteúdos exclusivos.