filmes com empreendedoras-empreendedorismo-negócios-nex

4 filmes com empreendedoras para assistir na Netflix

Em Cotidiano por Nex Coworking1 Comment

Uma ótima maneira de se inspirar é assistir a filmes com empreendedoras. A famosa empresária norte-americana Sophia Amoruso é a queridinha das empreendedoras. Com seu livro Girl Boss inspirou milhares de mulheres ao redor do mundo com dicas de autoconfiança e bussiness para aquelas que querem tirar uma ideia do papel. Até série na Netflix a história rendeu (fica a dica!).

 


(+) Veja mais: Como criar e manter uma boa rede de contatos?


 

No Brasil, também no ramo da moda, a Manuela Bordasch e a Catharina Dieterich, em parceria com um amigo, Arthur Chini, criaram um blog com 30 reais — e hoje o Steal The Look já faturou mais de 2 milhões! O nome Luiza Helena Trajano lhe é familiar? Talvez você não reconheça a empreendedora, mas certamente já foi impactado por seu negócio: uma das maiores redes de varejo do país, a Magazine Luiza. Os bens de Luiza já ultrapassam a casa do 1 bilhão de reais. Esses cases também dariam ótimos filmes com empreendedoras, ein?!

A Manuela, a Catharina e a Luiza são alguns dos exemplos entre as 7,9 milhões de empreendedoras ativas no país, segundo dados do Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas). Nos últimos 14 anos, o empreendedorismo feminino cresceu 34%. E o indicador só tende a ajudar o mercado. De acordo com pesquisa realizada pelo Peterson Institute for International Economics, empresas que contam com pelo menos 30% de mulheres ocupando cargos executivos sêniors tendem a ser, pelo menos, 15% mais rentáveis.

Se a igualdade em cargos de liderança ainda não é uma realidade, o cenário é, no mínimo, animador. As mulheres já são maioria na criação de novos negócios. De acordo com a pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM), 52% dos novos empreendedores – aqueles com menos de três anos e meio de atividade – são mulheres. A predominância feminina é vista em quatro das cinco regiões brasileiras.

Elencamos cinco filmes com empreendedoras para você se inspirar a ser uma verdadeira #GirlBoss:

 


(+) Veja mais: Frases de empreendedores de sucesso para te inspirar


 

Joy – O Nome do Sucesso (2015)

Nada como um case real para inspirar a ação. O longa conta a história de Joy Mangano, empreendedora norte-americana que ganhou milhões com invenções domésticas – como um esfregão em que se pode torcer sem molhar as mãos. Estrelado pela atriz Jennifer Lawrence (de Jogos Vorazes), o filme mostra os desafios de Joy, uma mãe solteira que vive com os dois filhos e enfrenta muitas dificuldades financeiras.

Joy foi uma criança prodígio e cheia de ideias, mas foi obrigada a abandonar seus sonhos para cuidar da casa e da família. Após a saída do pai (Robert De Niro) de casa, ela decide se reinventar. A partir disso, começa a jornada para viabilizar a produção e mostrar suas criações nos canais de venda dos anos 90. A empreendedora deixa clara a importância de participar de todos os processos do produto: desde a criação até a divulgação, além de ser um belo exemplo de persistência.

The Post: A Guerra Secreta (2018)

Filme indicado a 2 Oscars, o The Post é um manifesto pela liberdade de imprensa. No elenco, conta com nomes de peso: Meryl Streep e Tom Hanks, além da direção de Steven Spielberg. Com essa introdução já é possível esperar uma grande história, mas a cereja do bolo é a performance de Streep, que interpreta a dona do jornal norte-americano The Washington Post, Kat Graham.

O longa retrata a briga entre o jornal e Richard Nixon, então presidente dos Estados Unidos, quando o The Washington Post teve acesso a documentos secretos que revelavam mentiras do governo sobre a Guerra do Vietnã. Nixon, então, faz de tudo para impedir a publicação das informações. O caso se complica quando o presidente consegue processar o jornal New York Times, com base na Lei de Espionagem, por divulgar dados da guerra. A decisão do futuro do jornal fica por conta de Kat.

 


(+) Veja mais: Existem 34 tipos de talento: quais são os seus?


 

Um Senhor Estagiário (2015)

Uma comédia para a lista. O longa mostra a rotina de Jules Ostin (Anne Hathaway), criadora de um e-commerce de roupas sob medida. Apesar de ter apenas 18 meses, o negócio já é um case de sucesso e tem mais de 200 funcionários. Com a vida atarefada pelas exigências da presidência da empresa, Jules descuida dos relacionamentos pessoais.

Ao iniciar um projeto de contratação de idosos como estagiários, ela passa a trabalhar com o viúvo Ben Whittaker (Robert De Niro), de 70 anos. Após o choque inicial pelas diferenças de geração, os dois se tornam amigos. Além de mostrar o dia a dia de uma CEO, o filme tem, também, uma mulher como diretora e roteirista: Nancy Meyers, que assina longas como “Simplesmente Complicado” e “O Amor Não Tira Férias”.

Coco Antes de Chanel (2009)

A estilista francesa que revolucionou a moda de sua época por ter a ousadia de se vestir com roupas masculinas, enquanto todas as mulheres usavam vestimentas desconfortáveis e exageradas. Sim, estamos falando da Coco Chanel.

O longa retrata o início da carreira de Coco, interpretada por Audrey Tautou (quem lembra de Amélie Poulain?), e os desafios que precisou vencer para se impor na França do início do século XX. Coragem e determinação eram as palavras-chave da trajetória da estilista.

O Diabo Veste Prada (2006)

Um clássico como esse não poderia ficar de fora. Toda fã de moda já sonhou em viver na rotina de Andrea Sachs, personagem interpretada por Anne Hathaway. Por mais que conseguir trabalhar em uma famosa revista seja o início idealizado pelas futuras fashionistas, o filme mostra que nem tudo são flores.

A trama se passa na Runaway Magazine, a mais importante revista de moda de Nova York. A jovem Andrea entra na empresa como assistente de Miranda Priestly (Meryl Streep), principal executiva da publicação. Não demora muito para Anne notar que a oportunidade de sua vida pode não ser tão boa assim.

A personagem de Miranda foi inspirada em Anna Wintour, a prestigiada editora-chefe da edição norte-americana da revista Vogue. O longa retrata os bastidores do universo da moda e como funcionam as engrenagens dos editoriais e revistas que fazem as tendências fluírem. Filmes com empreendedoras inspiram, não é verdade?!

* * *

Seja em um jornal ou em uma empresa de produtos para casa, o fato é que existem milhares de empreendedoras que são pura inspiração (dentro ou fora das telas). Você acrescentaria outros filmes com empreendedoras na lista? O que achou desses?

 


Nós realmente mudamos a nossa relação com o trabalho.
Quer saber mais sobre os planos e serviços do Nex? Clique Aqui!


Sobre o Autor
Nex Coworking

Nex Coworking

Nós acreditamos que o dia de trabalho das pessoas pode ser mais feliz. Por isso criamos o Nex e aliamos soluções práticas e flexíveis de gestão de escritórios a uma estratégia de estímulo às conexões em uma poderosa comunidade empreendedora. Como um coworking, o que nos motiva todos os dias é criar um ambiente inspirador, onde as pessoas possam desenvolver suas oportunidades de negócio ao mesmo tempo que encontram seu propósito. Somos parte de uma grande mudança e queremos mais. Mudar a relação das pessoas com o trabalho é só o começo de tudo o que queremos para o mundo.

Comments

  1. Boa tarde. conheci superficialmente o trabalho de vocês e já achei interessante. Conheci em um evento na OAB-RJ esta semana dia 24 de setembro e gostei muito da novidade e acredito ter ouvido a frase: “agora com parceria com a OAB-RJ” . Fiquei ainda mais feliz. espero poder visitá-los em breve e também utilizar o espaço que acredito deva ser fantástico e promissor.
    Meu nome é Rosana de Meneses. Prazer em conhecê-los.

Deixe seu comentário